Visualização da Noticia

Brasília recebe semana de luta contra a aids


Atividades para ajudar na prevenção da doença começam na segunda (27) e vão até 2 de dezembro. Veja a programação

VINÍCIUS BRANDÃO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA (24/11/17)

Para ajudar na prevenção à aids, conscientizar a população sobre a síndrome e relembrar as metas da Declaração de Paris, Brasília receberá a Semana Distrital da Luta Contra a Aids 2017.

A iniciativa marca o Dia Mundial de Luta Contra a Aids (1º de dezembro). A programação começa na segunda-feira (27) e segue até 2 de dezembro (veja o quadro abaixo).

Além de ações preventivas, estão previstos lançamento de boletim epidemiológico, palestras, oficinas e conferências.

Na terça-feira (28), haverá dois destaques. “Os últimos boletins epidemiológicos de HIV e aids apresentaram números muito altos de pessoas jovens e de idosos infectados, então vamos fazer atividades para os dois públicos”, conta Flávio Brebis, coordenador de Diversidade LGBT, da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos.

De manhã, às 9 horas, será uma palestra para os estudantes do campus de Samambaia do Instituto Federal de Brasília (IFB) sobre a situação epidemiológica naquela região administrativa. Para quem não puder ir nesse dia, haverá reprise na quarta (29), em Planaltina.

Às 15 horas, a Associação dos Idosos de Ceilândia recebe uma oficina sobre aids e outras infecções sexualmente transmissíveis (IST) — terminologia que substituiu a expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), porque, segundo o Ministério da Saúde, destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas.

Segundo Brebis, parceria entre governo e sociedade, a semana é organizada pela pasta do Trabalho, a Secretaria de Saúde, a Defensoria Pública do DF, a Procuradoria da Mulher da Câmara Legislativa e a Ordem dos Advogados do Brasil, entre outras entidades civis.

No Dia Internacional de Luta Contra a Aids de 2015, o governador Rodrigo Rollemberg assinou a Declaração de Paris no Palácio do Buriti e formalizou a adesão de Brasília ao acordo. O objetivo do termo elaborado em 2014 é acabar com a proliferação da epidemia no mundo até 2030.

Programação da Semana Distrital de Luta Contra a Aids 2017

Data

Horário

Atividade

Local

27 de novembro (segunda-feira)

14 horas

Lançamento do Boletim Epidemiológico de HIV e aids e solenidade de abertura

Secretaria de Saúde – Setor de Áreas Isoladas Norte, Bloco B

28 de novembro (terça-feira)

8 horas

Ação de prevenção por estudantes de enfermagem da Faculdade Anhanguera

Rodoviária do Plano Piloto

9 horas

Palestra: Situação Epidemiológica de HIV/Aids no DF

Campus Samambaia do Instituto Federal de Brasília (IFB) — Subcentro Leste, Complexo Boca da Mata, Lote 1

15 horas

Oficina: Pessoas Idosas, HIV/Aids e outras IST

Associação dos Idosos de Ceilândia — EQNM 5/7, Área Especial, galpão de produção

19 horas

Palestra: Pessoas Vivendo com HIV e Aids

Campus Samambaia do IFB

29 de novembro (quarta-feira)

9 horas

Palestra: Situação Epidemiológica de HIV/Aids no DF

Campus Planaltina do IFB — Rodovia DF-128, km 21, Zona Rural de Planaltina

14 horas

Estande de divulgação de materiais informativos

Campus Ceilândia do IFB — QNN 26, Área Especial

14h30

Conferência: Situação Epidemiológica de IST/Aids no DF e Medidas de Enfrentamento por Parte do Poder Público e da Sociedade Civil

Sala de Comissões da Câmara Legislativa do DF

30 de novembro (quinta-feira)

8h30

Debate: Direitos Humanos – Inclusão e Diversidade

Embaixada da França — Setor de Embaixadas Sul, Avenida das Nações, Lote 4, Quadra 801

1º de dezembro (sexta-feira)

Das 9 às 19 horas

Celebração do Dia Internacional de Luta Contra a Aids

Centro de Referência Especializado da Diversidade Sexual, Religiosa e Racial (Creas Diversidade) — Setor de Grandes Áreas Sul, Quadra 614

16h30

Outorga do Troféu Solidariedade

Auditório da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio-DF) — Setor Comercial Sul, Quadra 6, Edifício Newton Rossi, 1º andar

2 de dezembro (sábado)

Das 9 às 13 horas

Bazar solidário e Feira de artesanato com peças feitas por pessoas com HIV/Aids

Casa Rosa – Quadra 17, Conjunto A, Casa 45, Sobradinho

EDIÇÃO: RAQUEL FLORES